Olfato Um superpoder

Olfato: Um superpoder

O focinho é, definitivamente, uma das regiões mais importantes do corpo de um cachorro! Porém, o que muita gente não sabe é que a anatomia dos peludos guarda segredos impressionantes. Ele é composto de uma fossa nasal específica para respirar, e outra voltada somente para a identificação de odores, e possui 300 milhões de receptores olfativos. Humanos têm 5 milhões.

Eles podem “cheirar” as emoções humanas: detectam medo ou mesmo tristeza, pois conseguem captar o cheiro da adrenalina. 

É por isso que o cão é, muitas vezes, confiado como animal de serviço ou de apoio emocional, pois pode ser treinado para “cheirar” ataques de ansiedade, alertar o seu dono epiléptico para uma convulsão próxima, ou um diabético quando o seu nível de açúcar no sangue está muito baixo.

Apesar da maioria dos humanos tomar banho regularmente e tentar encobrir os odores naturais do corpo, não há como esconder o seu cheiro único de um cão. E, sim, é mesmo por isso que muitos cães o saudarão com o nariz diretamente na região da virilha, que é rica em glândulas sudoríparas apócrinas (produzem feromônios), e que transmitem informação social importante ao seu cãozinho.

Também, há uma boa razão para os cães farejarem uns aos outros: pode ser uma situação desconfortável quando você o leva para passear e ele cheira os genitais ou a retaguarda de outro cão. Quando eles farejam uns aos outros, estão descobrindo detalhes importantes sobre o seu novo amigo, uma vez que seu olfato pode determinar informações que vão desde o que o seu novo companheiro comeu pela última vez, até mesmo uma estimativa da sua idade. 

Por conta do faro excepcional, podem ser treinados para tarefas importantes, e mesmo salvadoras de vidas, como buscas em desabamentos, farejar a presença de bombas, armas ou drogas.

#doglife #cachorro #dog #cachorros #cachorroétudodebom #cachorroetudodebom #instadog #pet #amocachorro #dogs #doglovers #cachorrofeliz #dogsofinstagram #cachorrosfofos #cachorrosdoinstagram